31.8.08

[updated] Anúncio comestível e definitivamente, auto-sustentável

No Fest´Up deste final de semana o Diretor de Criação da Loducca, Guga Ketzer contou em primeira mão o lançamento do anúncio comestível criado para uma campanha do dossiê Universo Jovem da MTV. Título da peça: "Coma este anúncio". A proposta é seguir a onda da sustentabilidade com um anúncio definitivamente auto-sustentável.


Segue a mesma idéia do anúncio da Impresul comentado no blog do Fábio Henckel e do anúncio da Fiat italiana, como postou o Danilo Dualiby.

Na campanha para a MTV tem até o hotsite www.comaesteanuncio.com.br com dicas de receitas para fazer com o anúncio.


[updated 01/09] Caso queira conferir, o anúncio seguiu encartado no jornal Meio & Mensagem desta semana (01/09/08).

Mais sobre:
- MTV: Coma este anúncio
- Loducca propõe anúncio comestível

Marcadores: , ,

[drops] Oi na Hello Interactive

Pelo visto logo mais teremos boas ações interativas para o lançamento da Oi em São Paulo, pois a conta foi parar na mão da Hello Interactive. É só esperar pra ver.


Marcadores: ,

30.8.08

Fim de semana agitado: Fest'Up e Blogcamp SP

Durante todo o dia deste sábado e domingo acontece na FAAP o Fest'Up, evento em que dezenas de profissionais do mercado publicitário palestram para o público universitário.

Já no espaço Gafanhoto acontece o Blogcamp SP de 2008. Neste o tema é blog, social media, etc, etc...

Na parte da manhã estive no Fest'Up. Palestras boas e muitos cases interessantes, todos em silêncio ouvindo muita gente boa falar.

Durante a tarde fui conferir como andava o Blogcamp SP. O modelo (des)conferência cria um contraste enorme: muita gente falando, todos participando, opinando e claro, muitos notebooks ligados. A diferença entre uma (des)conferências e as tradicionais palestras são grandes, mas não acredito que um seja melhor que outro. Tudo depende da necessidade/objetivo. E além, o Blogcamp SP foi bom também para rever os amigos da blogosfera.

Escrevo esse post enquanto ouço um debate sobre blogs corporativos e sua função como publicidade ou RP. Elogios para o blog criado para a Ruffles pela Edelman.

Ah! na parte da manhã vi o comercial do Peugeot 307. Não tinha visto antes, e fiquei com a impressão de que o enredo e a trilha foram inspirados no comercial de lançamento do Macbook Air.

Aqui vai o Peugeot 307 com a trilha da Patrícia Coelho - Let's Go, The Way You Know:


E aqui o Macbook Air com trilha da Yaël Naïm - New Soul:


Claro, não é a mesma coisa, mas afinal, são propostas muito próximas.


Mais sobre:
- Até o Fest’Up
- Fest’Up reúne mais de 1,2 mil estudantes universitários!!!
- BlogCamp SP
- #blogcampsp - Links úteis para podsafe music




Marcadores: , , ,

26.8.08

#modismo: balloon e light painting

Antes: o termo "modismo" não deve ser lido aqui de forma pejorativa. Em outro post já falei da sua diferença com o plágio. No caso do modismo acontece uma espécie de referência coletiva inconsciente. Numa mesma época, diferentes campanhas utilizam referências imagéticas semelhantes. Algumas vezes por conta de um novo recurso tecnológico que surgiu, mas outras apenas por impulso espontâneo.

No passado citei o caso do splash de água (líquidos em suspensão) utilizado em campanhas como da Grendene e da Bacardi. Agora aparecem o balloon e o light painting.


BALLOON
Principalmente no caso de logomarcas, é o modismo que utiliza como referência os balões de pensamento da linguagem em quadrinhos.
Em época de redes sociais, muitas empresas e sites relacionados à área de redes sociais acabam utilizando dessa referência, como por exemplo o portal Blogamos wo Yahoo Posts.


LIGHT PAINTING
Num curto período de tempo começaram a aparecer alguns anúncios utilizando essa técnica fotográfica muito curiosa. Eu mesmo já fiz algumas experiências com Light Painting (publicadas no Flickr). Abaixo o exemplo de um anúncio da HBO que faz parte de uma campanha iniciada agora no final de agosto para o lançamento do seriado "Alice".



Em junho a Claro realizou uma campanha para o Dia dos Namorados em que utilizou também da mesma técnica.

Além do anúncio impresso ela fez também o comercial para a TV que segue abaixo.

Pelo visto é capaz que apareçam ainda outros anúncios semelhantes...




Marcadores: ,

[updated] aeiou: chegou o chip do celular (programa beta-teste)

Conforme comentei no post anterior a entrega dos chips do programa beta-teste começou na semana passada, porém recebi o meu apenas ontem, uma semana depois. No meio da semana soube que o chip é entregue apenas mediante a apresentação do RG ou CPF. Por conta disso só recebi o chip na segunda tentativa de entrega, depois que deixei uma cópia do meu CPF na portaria do prédio. Comento isso pois provavelmente essa "burocracia" será mantida após o lançamento oficial. Apesar de compreender a necessidades de medidas para garantir a segurança, acho inconveniente ter que deixar cópia do documento na portaria do prédio.

Mas enfim, o que importa é que consegui receber o chip para avaliar o serviço. A ativação é muito simples: após instalar o chip no celular, na primeira tentativa de ligação uma gravação solicita o número do CPF. Feito esse processo o celular passa a operar normalmente. Aqui estão as primeiras impressões:

- O sinal dentro de casa é baixo, mas não atrapalha a recepção. Na rua o sinal é melhor. Não testei em várias regiões de São Paulo, apenas nos bairros do Pacaembu e Higienópolis.

- Aparentemente o sinal atende apenas a cidade de São Paulo. Regiões como Alphaville ainda não recebem o sinal. Sem dúvida com o passar o tempo tanto a abrangência do sinal quanto a qualidade devem melhorar por conta da ampliação da rede de antenas da operadora.

- De qualquer maneira neste primeiro dia de uso fiz algumas ligações para fixo e também celulares de outras operadoras. Todas as ligações foram efetuadas com êxito e sem falha alguma. Ótima qualidade de ligação. Mas o diferencial é mesmo o preço: R$0,28/min. na ligação para telefones fixos e R$0,63 para celulares de outras operadoras.

- A cada ligação efetuada você tem a opção de receber uma mensagem de texto informando o gasto e seu saldo atual. Fiz uma ligação que durou 1:38min. e logo após encerrar recebi o sms informando que o custo foi de R$0,45. Tenho ainda R$34,52 em crédito para gastar até 30/08!

- Por se tratar de uma fase ainda de testes tive alguns problemas para estabelecer algumas ligações, mas como disse, depois de efetivada a ligação segue sem qualquer problema. A maior dificuldade estava em receber ligações: muitas vezes ao ligar para meu próprio número eu ouvi o sinal de ocupado ou de que o número não existia.

- No site www.meuaeiou.com.br há uma área privada em que é possível personalisar diversos recursos e funcionalidades. Lá é possível cadastrar até 7 outros chips aeiou e pagar R$0,07/min. É pelo site que você solicita seu chip e faz a recarga do crédito.

- O extrato de ligações pode ser acessado a qualquer momento no site. Ele traz de forma detalhada cada uma das ligações realizadas.

- A caixa postal de voz opera parcialmente. Se alguém ligar para o meu celular enquanto ele estiver inativo, poderá deixar um recado de voz, mas ainda não colocaram à disposição o número para resgate das mensagens de voz.

- Nessa fase de testes o reconhecimento do número chamador não está ativo. Todas as ligações que recebo chegam como se fossem de números privados.

- Também não está ativo o serviço de sms e troca de dados. Sobre a conexão de dados imagino que esse serviço ainda demore um pouco, porém o sms acredito que já deveria estar ativo no programa beta-teste. è um pena não poder avaliar a qualidade da transmissão de mensagens de texto. A VIVO por exemplo tem sérios problemas com esse serviço.

A meu ver parece um serviço com limitações, porém bom e estável. Todas as falhas detectadas aparentemente serão corrigidas rapidamente. Acredito tratar-se de uma excelente opção para aqueles que não utilizam o celular fora de São Paulo e não fazem uso do serviço de dados (internet). Para quem tem a necessidade exclusiva de receber e efetuar ligações de voz ou sms é sem dúvida a melhor opção em custo/benefício.

[updated 28/08/08] Acreditem ou não, os dois dias que seguiram após a publicação desse post foram completamente diferentes: na grande parte do dia não consegui completar nenhuma ligação. Algumas vezes conseguia, porém era necessário aguardar até 30 segundos até ouvir o sinal de chamada da outra linha. E por fim, todos que tentavam ligar para meu número do ae iou ouviam um sinal de ocupado ou então uma mensagem de que o número não existia.

Enfim, definitivamente fica claro que ainda estão implantando o sistema. Espero que até a próxima semana, data de lançamento oficial, já esteja tudo operando normalmente.


[updated 18/10/08] Os problemas citados na atualização do dia 28/10 foram resolvidos 2 semanas atrás, quando liguei para o atendimento e informei as dificuldades. No dia seguinte meu celular passou a operar normalmente, como nos dois primeiros dias de uso.

Mais uma vez o chip da aeiou aparece como uma boa opção para quem não utiliza serviços extras como o acesso à internet e não necessita de uma cobertura grande.

Para aqueles que também estão estudando as vantagens da operadora Oi, veja aqui um outro post que publiquei.

Marcadores:

18.8.08

Livestream: como ouvir o buzz de uma palestra

O livestream ganhou impulso no ano passado, época em que o Twitter começou a crescer. Desde então está cada vez mais fácil registrar todo aquele burburinho que se ouve na platéia durante uma palestra.

Quer saber o que o público está pensando, seus comentários sobre o palestrante? Basta acompanhar o livestream.

Tanto para aqueles que estão sentados na platéia quanto para os que não puderam comparecer, o livestream é uma forma de comunicação discreta em que muitos falam aos mesmo tempo nesse espaço virtual, enquanto fisicamente estão todos em silêncio, assistindo a palestra. Os comentários são publicados pelo notebook ou celular para redes como o Twitter, Flickr, YouTube e os próprios blogs, basta identificar o material através de uma palavra-chave (tag).

Hoje, nesse exato momento está em andamento o Seminário Info sobre Redes Sociais que discute justamente as influências destas midias sociais em nossa cultura. O portal Blogblogs criou um canal de livestream exclusivo para o evento. Clique aqui para acompanhar o que está acontecendo por lá.

Você também pode utilizar sistemas de busca e pesquisar pela tag #seminarioinfo. Veja aqui o exemplo de pesquisa na rede do Twitter.

Marcadores: ,

blog: Divulgare


Gabriel Guzovsky foi aluno e recentemente resolveu compor a blogosfera daqueles que falam sobre publicidade, tecnologia e afins.

Divulgare é o nome do blog. Fica o convite para a visita.

Marcadores:

17.8.08

Foto do eclipse da lua (aquele do Yahoo)

Aqui vai a foto do eclipse da lua que aconteceu ontem no início da noite. Estava sem minha máquina fotográfica então aqui segue uma foto tirada com o celular. A qualidade é péssima, serviu só mesmo para "registrar" o evento.


Esse foi o eclipse tão comentado pelo Yahoo. Trata-se de um fenômeno natural que o Yahoo aproveitou em sua estratégia de comunicação. Para lançar seu novo portal e novo posicionamento, o Yahoo organizou um evento no mesmo dia em que iria ocorrer o eclipse lunar, veja aqui o vídeo do evento.

12.8.08

[drops] Orkut lança template comemorativo das Olimpíadas


Que o controle do Orkut passou para as mãos da equipe brasileira do Google todos já sabem. Pelo visto a primeira iniciativa foi criar um template exclusivo para as Olimpíadas.

Acabou de entrar no ar. Após fazer o longin no Orkut você verá um novo ícone ao lado do seu e-mail no topo superior direito da tela. Ao clicar, seu profile ganha um novo template com o símbolo das Olimpíadas, cores verde e amarelo e o slogan "Time Brasil: um só grito, um só coração".

No Twitter muita gente não gostou do patriotismo; mas fiquei na dúvida: será que há somente a versão brasileira para o template das Olimpíadas?


[updated] Novas operadoras de celular em SP


Dia 8 de setembro chega oficialmente em São Paulo a nova operadora de celular ae iou (antiga Unicel). Conforme avisou o amigo Rafael Ziggy do blog Sim Viral, sua campanha de lançamento vai utilizar "celebridades" brasileiras dos vídeo de virais no YouTube (veja o post).

Para o lançamento a operadora preparou um programa Beta-teste: já antes do lançamento oficial é possível reservar um chip. Quem participar desse programa beta-teste receberá o chip a partir de 18 de Agosto para conferir a qualidade do serviço. Serão distribuídos 10.000 chips com bônus de R$35 para utilização até o final de Agosto.

O principal diferencial da operadora será o preço. Compondo um pacote que mistura planos pré e pós-pago, a ligação para outro celular sai por R$0,63 (média de $R$1,20 em outras operadoras no pré-pago) e R$0,14 para envio de SMS (média de R$0,40 em outras operadoras).

Para conhecer o serviço e reservar seu chip entre em www.meuaeiou.com.br

Questões a considerar: a operadora não venderá aparelhos. É necessário possuir um aparelho desbloqueado para colocar o chip. Aparentemente não há serviço de dados e no início provavelmente a cobertura também não será das melhores; apenas como referência o sinal parece que ainda não chega nem mesmo até a região de Alphaville, só mesmo a região da grande São Paulo.

OI!
E para Outubro está prometido também o início comercial da operadora Oi em São Paulo. Desde o ano passado a Oi vem fazendo comunicações em São Paulo em que utiliza uma linguagem jovem e propõe mudanças no mercado como a venda de aparelhos desbloqueados.

[updated 05/10/08] Nessa semana que passou a Oi iniciou sua comunicação de lançamento. O anúncio diz que as operações oficiais começam no dia 24. A partir desta data será possível utilizar o chip da Oi em São paulo e aproveitar uma promoção anual que oferece R$20/dia nos primeiros 3 meses. Nos meses seguintes o consumidor ainda pode garantir R$20/mês caso compre no mínimo R$10 no mês anterior. Só não consegui descobrir no site qual será o valor cobrado por minuto durante esse período da promoção.

Para saber mais: www.oi.com.br/sp

[updated 18/10/08] O custo por minuto, bem como diversos outros detalhes sobre a inauguração da Oi em São Paulo estão em um novo post, clique aqui para ver.

Marcadores:

9.8.08

Em resposta aos comentários do post anterior

Os comentários do post anterior foram tão estimulantes que incentivaram um novo. Aqui vai:

Os assuntos levantados envolvem tantas questões que infelizmente terei que selecionar apenas alguns tópicos mais aparentes. Por isso deixarei de lado, por exemplo, o comentário do tal Marc. Vou tomar a liberdade apenas de esclarecer que este blog não trata somente do “código QR”. E mais: a Gisele Honscha, infelizmente, nunca foi minha aluna. Temos inclusive pouca diferença de idade. A área de pesquisa dela é muito semelhante à minha, mas ainda nunca nos conhecemos pessoalmente.

Prefiro focar essa minha resposta ao primeiro comentário deixado pelo “suposto” Felipe R. Digo isso pois apesar de assinar o comentário com o mesmo nome do real criador da campanha, é sempre bom lembrar que o texto pode ser de outra pessoa.

O Felipe R. - que trabalha na agência responsável pela ação de mobile marketing - com certeza tem, apesar de jovem, já alguma experiência com os meios digitais. Ele saberia, por exemplo, que esse é um espaço em que prevalece muito mais a “colaboração”, do que a “competição”. Ele saberia que minhas críticas (ásperas?) não eram pessoais, nem mesmo dirigidas a um cliente ou uma única agência (por isso mesmo evitei citar o nome da agência). Ele saberia que o blog é um espaço público, o texto não é dirigido a ninguém em especial. Ele saberia, inclusive, que seu cliente poderá, em algum momento, ler seu comentário.

Claro que sei que a agência envolvida já fez diversas outras ações muito interessantes, principalmente aquelas envolvendo a tecnologia bluetooth. Ainda não foi a vez de citar alguma delas neste blog, e sem dúvida farei quando surgir a oportunidade.

De qualquer maneira, quero enfatizar que concordo com 90% do que o “suposto” Felipe R. escreveu. Vivemos todos os dias esse enfrentamento entre o pensamento conservador do cliente e o pensamento criativo/inovador da agência. E todos sabem que essa briga é antiga.

Está aí uma das razões que levaram à criação deste blog. Um espaço – colaborativo - para refletir sobre os avanços e também os excessos. A crítica (áspera?) era referente exclusivamente ao formato. À redundância da narrativa. Não se trata de uma agência específica ou de um criativo. Trata-se de uma reflexão para todos os profissionais de comunicação, incluindo os clientes. A repetição pode esgotar o formato e deixar de atrair e impactar o consumidor.

A crítica particular que existiu foi em relação ao texto da gravação telefônica, em que o tom pareceu-me excessivamente comercial. Em minha opinião as novas mídias buscam uma mensagem mais envolvente e menos comercial, por isso a crítica (áspera?).

Por fim, esse blog é uma atividade pessoal, não possui relação direta com minha profissão. Mas o “suposto” Felipe R. pode ter certeza que sou extremamente responsável nestas minhas duas atividades. É claro que erros acontecem, e procuro ser maduro o suficiente para assumí-los. Mas mesmo assim, neste ponto posso deixar a humildade de lado e dizer que tenho muito orgulho do trabalho que realizo tanto aqui, neste blog, como na minha atividade como professor.

Outros assuntos que evitei abordar mas deixo aqui o link de outros posts:
- sobre um novo paradigma da colaboração:
O paradigma do blog corporativo

- sobre reais problemas em ações de comunicação:
O excesso da mídia no caso da menina Isabella
Teaser de "impacto" da Citroën

- sobre a cobrança excessiva dos jovens criativos e a falta de oportunidade para trabalhar ao lado de profissionais experientes:
Carta a favor da qualidade na publicidade brasileira

- sobre a necessidade do pensamento reflexivo:
Uma filosofia dos meios digitais

5.8.08

Mobile marketing da TIM para o Dia dos Pais

Essa dica foi enviada pela minha aluna Thais Klein Gunnewiek: a TIM colocou um hotsite novo no ar com uma ação de mobile marketing para o Dia dos Pais.


O enredo é simples: um vídeo mostra uma menininha pedindo o número do seu telefone. Após indicar o número você recebe uma ligação com a gravação da chamada da menina sobre a promoção do dia dos pais e o vídeo simula ela falando ao celular (como se estivesse conversando em tempo real com você. Ao final o vídeo é substituído por um packshot dos celulares.


A ação é muito semelhante à recente ação de mobile marketing comentada aqui no blog para a L´oreal.

Infelizmente parece que falta criatividade na criação de enredos para ações de mobile marketing. Esse fato pode acabar causando a morte prematura do formato. Apesar de atraente e interativo, o formato pode rapidamente se tornar entediante e repetitivo.

Além disso, faltou um pouco mais de cuidado na produção desta ação em particular. O tom excessivamente comercial da fala da menina durante a gravação telefônica atrapalha o envolvimento com a narrativa.

Assim como no post anterior sobre a Claro, deixo aqui o crédito para a Tim pela iniciativa em buscar ações diferenciadas e fogem da comunicação de massa tradicional. Porém, como qualquer um que arrisca inovar, às vezes é necessário errar para acertar o foco e descobrir como atuar com essa nova linguagem.

De qualquer maneira, caso ainda esteja curioso para conhecer, confira o hotsite em www.timdiadospais.com.br.

Marcadores: ,

O paradigma do blog corporativo

Há 10 anos atrás todos já sabiam que o relacionamento entre consumidor e marca deveria mudar. Todos já sabiam que as empresas deveriam adotar um novo modelo de comunicação com seu consumidor. Sabíamos que deveria ser algo menos formal, mais próximo, mais interativo. Sabíamos que o caminho era a internet, porém, não havia ainda um formato bem definido para esse modelo de comunicação. O Manifesto Cluetrain mostrou um pouco desse cenário: em 1999 eles sabiam o que queriam, estava claro no manifesto, mas o que não estava evidente era "como" fazer.

Hoje já podemos dizer que o formato que melhor traduziu e foi adotado pelo mercado, por enquanto, é o blog corporativo. O formato do blog exige grandes mudanças de paradigmas para a empresa: a linguagem deve ser coloquial; quem escreve deve ter um cargo de responsabilidade na empresa e por fim, deve ser um espaço aberto para comentários dos consumidores.

Não são questões simples de resolver. Os diretores e responsáveis pela empresa nem sempre possuem tempo ou mesmo preparo para falar com os consumidores. Mais ainda, nem toda empresa está preparada para para receber publicamente a opinião dos seus consumidores, principalmente aquelas que lideram o ranking de reclamações do PROCON.

Por essas razões que Thiane Loureiro, Gerente corporativa da Edelman Brasil, costuma dizer que vivemos atualmente uma época de revalorização do profissional de relações públicas. É essencial a participação de uma boa equipe de RP no dia-a-dia de um blog corporativo, porém, que fique claro, não para "esconder" do blog comentários negativos, mas para respondê-los de forma adequada.

A empresa Claro resolveu enfrentar todos esses paradigmas. Agora em julho ela colocou no ar seu blog corporativo que pode ser acessado pelo endereço www.claroblog.com.br. Aparentemente o projeto é desafiador e corajoso: há ali uma área própria para posts do João Cox, presidente da Claro; os textos possuem uma linguagem menos formal que o site institucional e - quase - todas as áreas do blog estão abertas para comentários dos visitantes.

É, portanto, uma iniciativa que merece elogios, porém, é preciso também verificar como o projeto será administrado no dia-a-dia. Como disse, é um projeto corajoso pois afinal a área de telefonia celular é uma das que lideram o ranking de reclamações no Procon e curiosamente, durante meu passeio pelo blog a grande maioria dos comentários não continham nenhuma espécie de reclamação; de fato, a maioria elogiava o serviço ?!?!?

Não sou consumidor do serviço, mas mesmo assim achei estranho pois afinal, durante a pesquisa para escrever esse post descobri que consumidores insatisfeitos chegam a publicar seus casos num blog chamado "Claro? Que não funciona!" criado por uma usuária do serviço da Claro de Recife. Será que estes mesmos consumidores não arriscaram comentar seus casos também no blog corportaivo da Claro?

Marcadores: , ,

3.8.08

Código QR continua a ganhar espaço

A foto ao lado mostra alguns impressos japoneses. São cartões de visita, midia cards e rótulos de embalagens. Vê-se que lá o código QR é aplicado em diferentes comunicações e já faz parte do cotidiano.

Apesar de permitir outras aplicações, em geral o código QR é utilizado como um formato mais prático para introduzir no celular um determinado endereço na internet (URL). Ao invés de digitar todo o endereço, basta tirar uma foto do código.

Vale aqui fazer uma observação: o código QR ganhou essa aplicabilidade pois o uso que os japoneses fazem do celular para navegação e envio de SMS é infinitamente superior ao nosso. Em Tokyo é comum ver pessoas no metrô atentas em seus celulares. Lá é deselegante falar em voz alta ao celular, então o que fazem? Trocam mensagens, navegam pela internet e até lêem livros em pdf. Não se paga custo adicional por envio de SMS ou para navegar na internet, faz parte do pacote.

Aqui no Brasil o código QR ainda aparece em algumas ações pontuais. Uma das primeiras marcas a utilizar o código na publicidade foi a Fast Shop (veja o post). Alguns meses atrás peguei a edição 7 de uma pocket revista chamada ResultsON, editada pela SixPix. A proposta era interessante: ao final de determinadas matérias havia um código QR que decifrado pelo celular permitia acessar um endereço na internet com mais informações e dicas referentes àquela matéria. Boa iniciativa, vamos agora descobrir se a idéia se propaga.


crédito das fotos: eric messa e haap


 
Para receber esse blog por e-mail, envie uma mensagem info.ecode@messa.com.br e
escreva "incluir" no campo "assunto" da mensagem. Para cancelar, basta escrever a palavra "excluir".