4.5.04

Vimos o e-paper da Philips

Quarta-feira, 28 de abril de 2004 - 19h18
Info on-line

SÃO PAULO - Walter Duran, diretor e presidente do conselho da Philips, mostrou pela primeira vez para o público em geral - em um evento interno da Editora Abril - o e-paper, papel digital criado pela empresa em parceria com a E ink.

O modelo apresentado é um protótipo da primeira versão da tela, ainda rígida e em preto-e-branco, que usa o sistema de tinta imantada e uma tela de plástico fosco para proporcionar ao usuário a mesma experiência de leitura que um papel de verdade. A tela não brilha, e independente da posição o usuário pode ler o que há nela. Duran contou que a versão flexível deve sair em um ano, um ano e meio, e que versões coloridas e com formato maior devem estar prontas em até três anos.

A Philips não tem planos de vender o e-paper por aqui, mesmo porque uma estratégia destas dependeria muito de investimentos dos provedores de conteúdo. Por enquanto, ele será vendido apenas no Japão e nos Estados Unidos, pelas mãos da Sony, que lançou em março o leitor de papel digital LIBRIé.






 
Para receber esse blog por e-mail, envie uma mensagem info.ecode@messa.com.br e
escreva "incluir" no campo "assunto" da mensagem. Para cancelar, basta escrever a palavra "excluir".