9.11.07

O poder do consumidor 2: Ipod Touch e CSS

Este post traz um novo aspecto para o tema já discutido no post de setembro "Consumidor ganha poder através dos blogs e redes sociais".

Agora no final de Outubro a Apple lançou um novo filme publicitário do seu Ipod Touch que pode ser visto em seu site institucional. Duas curiosidades seguem esse comercial:

1 - O filme publicitário não foi criado por uma agência de publicidade, mas por Nick Haley, um estudante de 18 anos da Inglaterra (dica enviada pelo Brian Barbutti). Nicky produziu o filme em casa e publicou no YouTube. O sucesso chamou a atenção da Apple que resolveu assumir o filme como parte da sua campanha para o Ipod Touch. Assim, a agência de publicidade oficial da Apple, a TBWA/Chiat/Day entrou em contato com o estudante e o contratou para que desenvolvesse uma nova versão para a Apple. Atualmente é possível ver o vídeo tanto no site oficial da Apple como no YouTube, as duas versôes possuem pequenas variações, mas são, definitivamente, a mesma peça publicitária.

2 - Interessante observar também que a trilha sonora escolhida pelo estudante inglês foi a música "Music is my hot, hot sex" da banda "Cansei de Ser Sexy" de São Paulo. Atualmente a banda é um grande sucesso nas rádios de Londres. Mas antes deste sucesso a banda que tocava em bares de São Paulo chamou a atenção da gravadora Trama por conta do grande volume de acessos obtidos pelas músicas publicadas na Internet. Assim como casos mais famosos, por exemplo a cantora Lilly Allen, a página no MySpace da banda Cansei de Ser Sexy foi um fator crucial para o sucesso da banda.

Assim como o comercial da Apple que foi escolhido devido ao grande sucesso de visitações no YouTube, a banda Cansei de Ser Sexy ganhou o mercado fonográfico por conta do sucesso que fez entre os internautas.

Marcadores: ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home







 
Para receber esse blog por e-mail, envie uma mensagem info.ecode@messa.com.br e
escreva "incluir" no campo "assunto" da mensagem. Para cancelar, basta escrever a palavra "excluir".